Recôncavo Religioso

Algumas cidades do recôncavo formam o conjunto com maior peso cultural da Bahia onde ainda é possível encontrar resquícios da cultura afro já que a maior parte da população é de origem africana. As cidades abrigam ainda uma forte religiosidade ligada às histórias e costumes dos portugueses e escravos, a religião mais presente em São Francisco do Conde assim como em grande parte do Recôncavo Baiano é o catolicismo e predomina também o candomblé, mais da metade dos habitantes cultua alguma religião de matriz africana. A matriz africana vem dos tempos dos escravos, para contornar as proibições sofridas pelos senhores de engenho, os escravos começaram a disfarçar seus deuses com os Santos católicos. Esses Santos eram chamados de Orixás, os locais de adoração, equivalentes às igrejas católicas, eram os Terreiros. Apesar dos Portugueses não aceitarem os cultos e esse tipo de manifestação religiosa, jamais conseguiram eliminar orixás e terreiros, na Bahia eles conviveram e ainda convivem lado a lado com o Catolicismo. Existem no município de São Francisco do Conde 24 terreiros mapeados, a exemplo o Terreiro Onilê, Oní Araaiyê, ministrado pelo babalorixá Pai Tero entre outros. A cidade de São Francisco do Conde é rica em sobrados, igrejas e engenhos, construídos durante a administração portuguesa, um dos patrimônios histórico com grande valor artístico é o Convento de Santo Antonio tombado pelo IPAC 1936, nasceu da reivindicação dos moradores da Villa de São Francisco que solicitavam a construção de um convento franciscano. A Igreja Matriz de São Gonçalo  padroeiro da cidade,  é um dos mais belos templos da arte barroca, no seu interior se encontra uma das grandes contribuições da cultura luso-brasileira para o barroco, Igreja Nossa Senhora do Monte que fica situada no monte mais alto da região, em uma comunidade quilombola, a igreja não esta em funcionamento no momento, talvez pela sua visível estrutura em estado de reparos. Todas estão situadas dentro do município e em comunidades vizinhas.

A importância do Recôncavo religioso

No Recôncavo encontramos uma grande diversidade de atividades religiosas, a cultura expressa à grande diversidade étnico-racial do Recôncavo, lugar onde o Brasil nasceu e se forja com uma conjugação de povos e culturas, dominações socioeconômicas e culturais. No Recôncavo, existem alguns grupos formados por pessoas idosas, mas também por adolescentes que se fazem seguidores da cultura herdada pelos seus avôs, tios e pelos seus pais, com o objetivo de conservar, valorizar e divulgar esta cultura. Com relação às danças do Recôncavo poderemos destacar o Maculelê, o Samba de roda e outras manifestações como a capoeira, esse esporte representava a forma cultural encontrada pelos escravos para responder a forma de insubmissão e combater as demais violências sofridas, além de uma resistência escrava, era uma forma de identidade grupal, era uma maneira de manter viva a cultura negra. Hoje ela é uma manifestação tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como patrimônio imaterial do Brasil, candomblé, irmandades religiosas, a exemplo da Boa Morte em Cachoeira, todos esses atos revelam o forte sincretismo religioso existentes no Brasil, no qual cultos católicos são unidos aos de religiões africana.

A  Igreja em formato Octogonal da Fazenda, geralmente é utilizada para a realização de  casamentos e cerimônias religiosas.

( Acervo do projeto) Igreja em formato Octogonal - Fazenda Engenho D´Agua

( Acervo do projeto)
Igreja em formato Octogonal – Fazenda Engenho D´Agua

A pequena  paróquia da ilha  é a única da comunidade, as celebrações religiosa são  realizadas  semanalmente.

( Acervo do projeto)Igreja do padroeiro da Ilha do Patí - Ilha do Patí

( Acervo do projeto)
Igreja do padroeiro da Ilha do Patí – Ilha do Patí

 

A vice presidente  e também integrante do grupo Lindroamor Axé, destaca as tradições do grupo no video abaixo.

( A vice presidente do grupo  fala da preocupação  de preservar e  de manter as tradições do grupo).

( O  vídeo traz o depoimento do resgate das tradições antigas para  a reativação do grupo) .
Anúncios

Religião Saubara

A região do Recôncavo Baiano por ser um local histórico, predomina as religiões do catolicismo e do candomblé, mas também existem algumas igrejas evangélicas na região. A Igreja São Domingos de Gusmão de Saubara é a principal da cidade, construída pelos moradores da Ponta de Saubara – região a beira-mar fundada pelo fidalgo português Braz Fragoso em 1685 – para que os protegessem em alto mar.

A igreja é constituída de pedras e óleo de baleia, trazidos por jesuítas espanhóis da Ilha de Itaparica, junto com a imagem do santo. Ela serviu de quartel general nas lutas pela Independência da Bahia, onde do seu alto podia-se avistar os portugueses vindos do mar para o ataque.

Igreja de São Domingos de Gusmão da Saubara(Acervo do Projeto)

Igreja de São Domingos de Gusmão da Saubara
(Acervo do Projeto)

Igreja de Bom Jesus dos Pobres(Acervo do Projeto)

Igreja de Bom Jesus dos Pobres
(Acervo do Projeto)

Candomblé em Santo Amaro

O Candomblé em Santo Amaro conta com a presença de vários terreiros. Um deles é o o Terreiro de Candomblé Ilê Axé Oju Onirê.  Alafiá, que oferece oficinas, palestras e seminários sobre a cultura afro-brasileira. O terreiro também realiza uma caminhada pela vida e liberdade religiosa na cidade.

Manifestação Religiosa (Acervo do projeto)

Manifestação Religiosa (Acervo do projeto)

Entrevista com Pai Poti no município de Santo Amaro da Purificação em data 11 de setembro de 2012.O entrevistado fala que o seu terreiro trabalha em conjunto com os 50 terreiros existentes em Santo Amaro da Purificação em prol da sua comunidade.

Catolicismo

O Catolicismo e o Candomblé são as religiões predominantes de Santo Amaro.A principal das igrejas é a da Nossa Senhora da Purificação, que é um forte exemplo de como o Catolicismo é presente na cidade.Nessa igreja, ocorre a tradicional lavagem das escadarias que era organizada por Dona Canô.

Igreja da Nossa Senhora da Prurificação(Acervo do projeto)

Igreja da Nossa Senhora da Prurificação
(Acervo do projeto)

Entrevista com Zilda Pain no município de Santo Amaro da Purificação em data 11 de setembro de 2012.A entrevistada fala do nascimento da igreja de Senhor Santo Amaro e de outras capelas que existiam na cidade.